António Oliveira rasga elogios para Cássio após goleada

Foto: Danilo Fernandes/Meu Timão

Publicados 3 dias atrás em 15 de maio de 2024
Por: Bruno Giusti

A Neo Química Arena foi palco de um verdadeiro massacre do Corinthians sobre o Argentinos Juniors na noite de terça-feira. Com gols de Romero, Yuri Alberto e Fausto Vera, o Timão aplicou um 4 a 0 contra a equipe argentina.

O treinador António Oliveira começou a entrevista analisando o confronto e enalteceu seus atletas, colocando a responsabilidade da vitória sobre eles.

“Primeiro, a minha palavra vai para os meus jogadores. Muito orgulho deles. São os grandes responsáveis desta vitória, porque interpretaram da melhor forma aquilo que foi o plano de estratégia do jogo. Foram uma equipe extremamente competitiva”, comentou o técnico.

Na sequência da entrevista, o comandante foi questionado sobre uma possível saída do goleiro Cássio. António optou por deixar claro que esta decisão fica nas mãos da diretoria. No entanto, ele enalteceu demais o caráter do ídolo alvinegro.

“Aquilo que posso falar é sobre o jogador e sobre o ser humano. E nessa perspectiva, tanto o jogador como o ser humano, trabalhou naturalmente e normalmente durante esta semana conosco. É um grandíssimo goleiro, é o maior ídolo da história do clube, e isso não se apaga, vai ficar gravado nas páginas douradas deste clube. Não sou eu que vou decidir a vida do Cássio, portanto, aquilo que eu posso dizer como ser humano é que é um jogador de uma dimensão humana fantástica, de uma personalidade fantástica, de um grande caráter, trabalhador, homem de família”, disse António.

“Essas questões serão com certeza decididas entre a diretoria e o Cássio, que melhor do que ninguém saberão dar a melhor solução. A única situação enquanto técnico é dizer da sua importância, quer sob o ponto de vista grupal, quer a sua capacidade e o seu talento dentro da sua área específica do goleiro. E sobre o ser humano fantástico que ele é e que tem um enorme prazer de hoje me considerar amigo dele. E um dia vou morrer feliz por dizer que fui treinador do Cássio”, complementou o treinador.

Para finalizar sua coletiva, António comentou a questão de não estar utilizando Igor Coronado e Rodrigo Garro juntos. O técnico comentou a necessidade de equilibrar sua equipe e ressaltou a qualidade técnica desses jogadores.

“Há uma coisa que as pessoas têm que entender, as equipes têm que ser equilibradas, se elas não forem equilibradas podem marcar 5, mas podem levar 6. Nós temos que arranjar um ponto de equilíbrio. O Igor e o Rodrigo já jogaram juntos duas vezes (como titulares). É evidente que o talento sempre terá espaço, mas há uma coisa que se chama equipe. São jogadores muito talentosos e estamos muito satisfeitos com o trabalho deles”, concluiu o comandante.

Após esta vitória, o Timão assegurou a classificação para o mata-mata deste campeonato internacional. A próxima partida do Corinthians será contra o Botafogo pelo Brasileirão.

Fique por dentro das notícias! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do TSP (Tudo Sobre Paulista) pelo WhatsApp.

Profetize os resultados do Corinthians no Copa Sul-Americana Série A 2024!
Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: TUDOSOBREPAULISTA.

P