António Oliveria analisa derrota do Corinthians para o Red Bull Bragantino: “Resultado injusto”

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Publicados 1 mês atrás em 21 de abril de 2024
Por: Beatriz Quintino

O Corinthians foi derrotado por 1 a 0 para o Red Bull Bragantino neste sábado e acumulou mais um jogo sem vitória pelo Brasileirão. Sem conseguir marcar gols pela terceira partida consecutiva no campeonato, Antonio Oliveira, técnico do Timão, apontou que o time sofreu um resultado injusto.

O gol do Red Bull Bragantino saiu logo aos quatro minutos de jogo e fez o Alvinegro buscar o empate. O Corinthians chegou a marcar com Pedro Henrique, já no segundo tempo, no entanto, o atacante estava impedido no lance.

“Acho que o jogo para o Bragantino teve cinco minutos, e para nós o restante. Na única vez que arrematou à nossa trave, fez o gol. É um adversário competitivo, que leva o jogo para a sua transição, intenso e veloz. Conseguimos tirar a hipótese para o adversário transitar. Se virem o número de posse, o número de finalizações, é um time que costuma ter expectativa de gols altíssima e hoje teve 0,20. Mas vitórias morais não dão pontos, portanto na minha opinião é um resultado injusto pelo que passou, mas pecamos pela falta de eficácia no último terço, mas não só de finalizações, mas de refino nas nossas ações técnicas nos últimos 30 metros.”, analisou António

“O adversário fez um arremate ao gol, nós tivemos perto do gol adversário constantemente. No segundo tempo, o Cássio não fez uma intervenção. Fez uma, não sei qual é, mas fez. Jogamos praticamente do meio-campo, o adversário abdicou do jogo e fez uma linha de cinco. Fizeram determinadas ações que não são comuns para o Bragantino. Fomos uma equipe equilibrada. A expectativa de gol é altíssima, hoje não chegou a 0,50.”, completou o treinador.

Além disso, António Oliveira também comentou sobre ter iniciado a partida com Pedro Henrique e Pedro Raul como titulares no ataque, deixando Yuri Alberto, Romero e Wesley no banco.

“Não poupei. Era a equipe que achei que era melhor para esse confronto. É evidente que é um início de campeonato, fiz isso em outros clubes e que chegou a chegar a finais de Copa e vencer. Todos os jogadores são importantes, é algo que sigo a regra. Era quem estava melhor fisicamente e emocionalmente para dar resposta a um jogo competitivo. Deram uma boa resposta, evidente que o futebol é feito de detalhes: o adversário chuta ao gol e faz o gol. Nessa perspectiva fomos penalizados, temos que trabalhar cada vez mais para ganharmos de uma equipe de Série A.”, explicou.

O próximo desafio do Corinthians é pela Copa Sul-Americana, na terça-feira (23), contra o Argentinos Juniors, fora de casa.

Confira a coletiva completa de António Oliveira pós-derrota para o Red Bull Bragantino:

 

Fique por dentro das notícias! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do TSP (Tudo Sobre Paulista) pelo WhatsApp.

Profetize os resultados do Corinthians no Brasileirão Série A 2024!
Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: TUDOSOBREPAULISTA.

P