Marcelo Fernandes: totó do Flu e confiança para próxima partida

Publicados 6 meses atrás em 30 de novembro de 2023
Por: Jenyffer Previtalli

O Santos enfrentou o Fluminense na Vila Belmiro e foi derrotado por 3 a 0, o que deixou a equipe em uma posição delicada na tabela do Brasileirão. O técnico Marcelo Fernandes reconheceu a superioridade do adversário e elogiou a performance dos jogadores do Fluminense.

No primeiro tempo, o Santos sofreu dois gols e teve menos de 30% de posse de bola. Na segunda etapa, a equipe mudou sua tática e se lançou ao ataque, acertando três bolas na trave, mas não conseguiu marcar. Marcelo elogiou o esforço dos jogadores, apesar do resultado negativo.

“Se você joga com uma equipe, campeã da América, com o entrosamento que tem, comandada pelo excelente treinador que tem. A gente trabalhou para marcar em cima todo mundo. Não adianta ir cinco, seis, ir lá ficar tomando totó. A preponderância do Fluminense foi muito nítida no primeiro tempo, no segundo tempo corrigimos. Não pode ter ninguém deles sobrando. Tem de acompanhar. Deixar o Joaquim para uma bola longa. Se você ver os números do jogo, finalizamos 20 bolas no segundo tempo e 9 no gol.”

Com esse resultado, o Santos estacionou nos 43 pontos e está próximo da zona de rebaixamento, embora esteja a apenas dois pontos de distância após a derrota do Bahia para o São Paulo.

Mesmo com a situação crítica, Marcelo mantém o discurso de superação e motivação para os dois últimos jogos da temporada. Ele ressalta que a equipe está focada e determinada a alcançar o objetivo de se manter na primeira divisão.

COLETIVA DE MARCELO FERNANDES

No próximo jogo, o Santos enfrentará o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba. Marcelo Fernandes destaca a importância da presença de Julio Furch em campo e ressalta que todos os jogadores estão comprometidos em ajudar a equipe.

Ele também menciona o momento individual de Jean Lucas, enfatizando que não há espaço para culpados e que todos estão unidos em prol do time. Marcelo agradece o apoio da torcida e reconhece as dificuldades enfrentadas devido às ausências de alguns jogadores importantes.

Apesar das adversidades, o treinador destaca as vitórias conquistadas contra times como Flamengo e Palmeiras, demonstrando a capacidade da equipe de reagir em momentos difíceis.

“Não posso falar uma vírgula do que tentaram fazer, correram, mas de forma errada no primeiro tempo. O nosso campeonato todo mundo sabe qual é. O Fluminense é uma grande equipe, campeã da América, não vou tirar o mérito. A gente tentou no segundo tempo, teve bolas na trave, mas o primeiro tempo foi preponderante.”

Marcelo Fernandes encerra a entrevista afirmando que a partida é jogada e que a equipe está trabalhando para melhorar seu desempenho e evitar sofrer gols. Ele acredita que, se continuarem a jogar como no segundo tempo contra o Fluminense, o Santos terá um bom desempenho nos próximos jogos.

DECLARAÇÕES DO TREINADOR

Sobre a presença de Julio Furch em campo, Marcelo comentou:

“O Furch é um grande jogador, como o Maxi, o pessoal se esforça muito. E tem o Marcos Leonardo, titular da posição. Tem 13 gols no campeonato. Tem dias que não está bem. O Furch também tem entrado bem. Não tem por que. É o dia a dia, seu espaço. Temos dois jogos, sem desespero para ninguém. Não temos prioridade por um pelo o que a torcida ou alguém fala. O Furch é muito importante e vai nos ajudar, com certeza.”.

Já sobre o momento individual de Jean Lucas, o treinador declarou:

“Não vamos arrumar bode expiatório. O Fluminense foi melhor, conseguiu a vantagem. O Jean Lucas fez um grande jogo no segundo tempo principalmente. Se está oscilando um pouco, é um jogador importante para a gente. Não vamos entrar nessa de quem está bem ou mal. Todo mundo está muito bem e muito focado em ajudar o Santos. Não adianta querer falar de A, B ou C. Ninguém perguntou do Jean Lucas quando ganhamos do Flamengo, do Palmeiras. O culpado fui eu que escalei. Infelizmente, no primeiro tempo corremos errado. Ficamos praticamente na roda no primeiro tempo, tínhamos de avançar nossa defesa e corrigimos isso no segundo tempo.”

Fernandes também comentou sobre o apoio recebido das arquibancadas:

“O caldeirão é o diferencial sempre. Só tenho de agradecer a torcida. Mas a torcida é consciente da fase que o clube está. Hoje, não tive o Lucas Lima, o Nonato, o Rincón e o nosso grupo está aí para vocês analisarem. A gente procura fazer o máximo possível. Perdemos para o Red Bull aqui, empatamos com o Cuiabá, que ganhou nove fora de casa, empatamos com o São Paulo. Ganhamos do Flamengo, do Palmeiras fora. Hoje eu acabei com o Mendoza e o Maxi em cada meia e o Jean Lucas de cinco.”

Marcelo Fernandes concede coletiva após empate do Santos contra o São Paulo

Marcelo Fernandes concede coletiva . Foto: Raul Baretta / Santos FC

“O jogo é jogado. A equipe se impõe. Acho que a equipe fora de casa contra um Palmeiras e um Flamengo toma um gol e consegue reagir, é uma virtude da equipe. A gente trabalha para ganhar e não tomar gols. Infelizmente, tomamos hoje. Se continuássemos do jeito que estávamos, não íamos ter o segundo tempo que tivemos.”

Já referente ao trabalho nos bastidores com os jogadores e aspecto psicológico, o treinador afirmou:

“Não tem psicologia. É o 13º jogo hoje e a terceira derrota. Tem seis vitórias e quatro empates. Essa é a psicologia. Fomos a Salvador, ninguém acreditava em nada. Essa é a nossa motivação. Aqui não tem sacanagem com ninguém, não tem ninguém de sacanagem. Todo mundo trabalha muito e vamos trabalhar. Temos dois jogos importantes, a equipe do Santos já se portou bem fora de casa. Jogos difíceis, mas o Santos tem condições de conseguir os resultados.”

PRÓXIMO CONFRONTO

Na 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Santos visitará o Athletico-PR na Arena da Baixada às 18h30 horas de domingo. O Peixe, atualmente na 15ª posição com 47 pontos, busca fugir da zona de rebaixamento.

Fique por dentro das notícias do Peixe! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do TSP (Tudo Sobre Paulista) pelo WhatsApp.

Profetize o resultado do Santos no próximo jogo! Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: TUDOSOBREPAULISTA.

Fique por dentro das notícias! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do TSP (Tudo Sobre Paulista) pelo WhatsApp.

Profetize os resultados do Santos no Brasileiro, Brasileiro Série A Série A 2024!
Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: TUDOSOBREPAULISTA.

P