Organizada do Corinthians faz protesto contra Duílio e elenco

Texto: Jenyffer Previtalli | Foto: Twitter/Gaviões da Fiel

Publicados 10 meses atrás em 8 de outubro de 2023
Por: Jenyffer Previtalli

A maior torcida organizada do Corinthians, conhecida como Gaviões da Fiel, promoveu um protesto contra o time e a diretoria do clube nesse sábado (7), horas antes do empate contra o Flamengo na Neo Química Arena, pela 26ª rodada do Brasileirão.

Victor Gomes/Meu Timão

O Corinthians não tem tido uma temporada positiva, sendo eliminado de todas as competições que participou e mostrando instabilidade no Campeonato Brasileiro. Revoltados com os resultados negativos recentes e a eliminação na Sul-Americana para o Fortaleza, os torcedores se reuniram no Parque São Jorge e expressaram sua insatisfação por meio de cantos de cobrança. Os principais alvos das críticas foram o presidente Duílio Monteiro Alves, o gerente de futebol Alessandro Nunes e o atual elenco.

Durante o protesto, foram entoados cantos como “Fora todo mundo, diretoria omissa e elenco vagabundo”, “Acabou a paz: mexeu com a Gaviões, mexeu com Satanás” e “Duílio, c…, acabou com o Coringão”. Os torcedores também manifestaram sua frustração com o desempenho do time, destacando mensagens como “Ou joga por amor, ou joga por terror”. Além disso, houve críticas aos sócios do clube social, com faixas alertando sobre a importância de preservar a história do Corinthians.

Vale ressaltar que o protesto ocorreu cerca de 45 dias antes da eleição para presidente do Corinthians, que está marcada para o dia 25 de novembro. Embora não tenha havido apoio explícito ao candidato da oposição, Augusto Melo, os torcedores presentes fizeram questão de se posicionar contra a continuidade da chapa da situação, que tem André Luiz de Oliveira como candidato em 2023.

Victor Gomes/Meu Timão

Biu, vice-presidente dos Gaviões, comentou:

“Estávamos apoiando o time até o fim porque queríamos o título, mas tudo tem seu contexto. Fomos eliminados de forma vergonhosa e eles precisam sentir nossa revolta. Continuaremos apoiando no estádio, mas é importante separar as coisas. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.”

O representante da torcida também expressou a intenção de tumultuar as coisas até o dia 25 e depois, independentemente do vencedor. Ele afirmou: “Entre nós, é paz; entre eles, é guerra”. Ele ainda questionou a capacidade de envolvimento dos jogadores com os dramas dos torcedores, como o acidente de ônibus que resultou na morte de oito torcedores após o empate contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

“Se para eles, a perda de oito torcedores neste ano não significa nada, está na hora de mostrarmos como é que é. Se isso não fizer com que eles reflitam e coloquem em prática em campo, então é melhor eles pegarem suas coisas e irem embora”.

Depois do empate no último sábado (07), o time ainda luta para se afastar da zona de rebaixamento.

Fique por dentro das notícias do Timão! Siga nosso perfil no Instagram.

Fique por dentro das notícias! Siga nosso perfil no Instagram.

Receba notícias do TSP (Tudo Sobre Paulista) pelo WhatsApp.

Profetize os resultados do Corinthians no Brasileiro, Brasileiro Série A 2024!
Clique aqui, faça seu cadastro na Betnacional e use o código: TUDOSOBREPAULISTA.

P